A- A A+ |
Sobral é tudo.
Sobral é da gente.
Sobral é agora.
Categorias
Palavras Chave

Sobral melhorou a qualidade das informações fiscais e contábeis enviadas ao Tesouro Nacional em 2021. O município que estava na posição 1.877 no ranking nacional, subiu 1.054 posições em relação ao exercício de 2020, e agora se encontra na posição 823, deixando de se tornar nota C para se tornar nota B. É o que aponta o ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal dos Estados, divulgado pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) do Ministério da Economia, nesta segunda-feira (27/06).

O índice avaliou a qualidade das informações fiscais e contábeis enviadas por estados e municípios em 2021. De acordo com o relatório, Sobral subiu de 83,50% para 91,90% a quantidade de acertos fiscais e contábeis no comparativo entre 2020 e 2021.

O objetivo do estudo do Tesouro Nacional é avaliar a consistência das informações contábeis e fiscais enviadas pelos entes por meio do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi). O relatório é composto por 91 critérios avaliativos divididos em quatro dimensões: Gestão da Informação, Informações Contábeis, Informações Fiscais e o confronto entre Informações Contábeis x Informações Fiscais.

Sobre o Ranking

O Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal é uma iniciativa da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), criada em 2019, sempre analisando um ano anterior. O relatório objetiva incentivar a qualificação e consistência dos dados recebidos por meio do Siconfi.

Facebook